Menu
Brasil / Comidas e bebidas

Top 10 Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil

Atualizado em: 4 de janeiro de 2022

A região Sudeste desempenha um papel central na política, economia e também na gastronomia do Brasil. Com cidades imensas, interiores riquíssimos em cultura e pratos que falam sobre a história do país, as comidas típicas da Região Sudeste são imperdíveis e deliciosas.

No post de hoje, você vai conferir 10 tradicionais comidas típicas da Região Sudeste, tanto comidas de Minas Gerais, quanto de São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Top 10 Comidas Típicas da Região Sudeste

  1. Pão de queijo;
  2. Sanduíches e comida de boteco;
  3. Pastel de Angu;
  4. Virado à paulista;
  5. Frango com quiabo;
  6. Cuscuz paulista;
  7. Filé a Osvaldo Aranha;
  8. Moqueca capixaba;
  9. Torta capixaba;
  10. Feijoada carioca.

Pão de queijo

10 Deliciosas Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil
Fonte: Wikimedia

O pão de queijo é um dos bolinhos mais saborosos da culinária do Brasil.

Tinha que ser Minas Gerais a inventar algo tão maravilhoso como o pão de queijo, afinal, a culinária de Minas Gerais é rica em sabores e criatividade.

Acredita-se que o pão de queijo exista desde o século XVIII, quando os restinhos de queijo eram reaproveitados e misturados com o polvilho para criar a combinação perfeita entre maciez, crocância e sabor.

A popularização dessa iguaria se deve a Dona Arthêmia Chaves Carneiro, que a partir da década de 1960 começou a comercializar seus pães de queijo.

Para fazer o pão de queijo em casa, a dica é procurar uma receita e ir aprimorando com as tentativas, para ter a sua própria receita. Afinal, cada família tem a sua, inclusive a nossa!

O queijo meia cura, minas padrão, queijo da Serra da Canastra e até queijos franceses servem para fazer pão de queijo, desde que seja um do tipo duro, de sabor forte e bem salgado.

Nós temos nossa própria receita de pão de queijo e não trocamos o feito em casa por nada. Vale a pena fazer desse prato típico do Sudeste uma tradição no seu lar.

A título de curiosidade, o queijo que mais usamos é o meia cura e quando não temos esses apelamos até para o provolone.

Sanduíches e comida de boteco

Bauru. Fonte: Wikimedia

No Sudeste, os sanduíches são lanches para o dia a dia corrido nas grandes cidades.

A cidade de São Paulo tem uma forte cultura dos sanduíches, além de pasteis de feira imbatíveis.

O sanduíche mais tradicional de São Paulo é o bauru, que hoje é popular em diversas partes do Brasil.

O bauru surgiu por acaso em 1936 no bar Ponto Chic, quando um estudante natural de Bauru sugeriu a combinação do pão de trigo sem miolo, rosbife, queijo derretido e tomate, além de picles e orégano.

Outro sanduíche muito tradicional é o sanduíche de pernil, facilmente encontrado no Mercado Municipal de São Paulo, um ponto turístico gastronômico da capital.

No Mercadão, os visitantes também procuram pelo gigantesco sanduíche de mortadela, que vem com muita mortadela. Sinceramente, a mortadela não se compara em sabor e qualidade ao pernil e ao rosbife.

10 Deliciosas Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil
O bolinho de bacalhau é um dos petiscos de boteco mais famosos. Fonte: Wikimedia

A comida de boteco também faz parte das comidas típicas da Região Sudeste, principalmente dos tradicionais bares e botequins do Rio de Janeiro e Belo Horizonte.

O sucesso da comida dos bares é tão grande que há até o campeonato “Comida di Buteco”, com diferentes bolinhos, entradas irresistíveis e toques de bebidas alcoólicas nos pratos. Delícia pura!

Entre os petiscos, o bolinho de bacalhau é uma das unanimidades e super combina com o clima e a história do Rio de Janeiro.

Pastel de Angu

Fonte: Flickr

O pastel de angu é outro quitute das comidas típicas da Região Sudeste do Brasil.

O pastel de angu tem uma história especial, já que foi criado por mulheres escravizadas durante o século XIX em Minas Gerais.

A cidade de Itabirito é o berço do pastel de angu, que nada mais é do que um pastel à base de fubá de ótima qualidade, normalmente produzido na própria região.

A massa pode ser recheada com vários tipos de carne, mas originalmente o recheio era feito de umbigo de bananeira, ingrediente que os escravos e as pessoas pobres tinham mais facilidade para obter.

Atualmente, o umbigo de bananeira está sendo valorizado pelos vegetarianos e veganos e, por ser neutro, absorve facilmente os sabores dos temperos.

Virado à paulista

Top 10 Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil
Fonte: Wikimedia

O virado à paulista é uma das comidas típicas da Região Sudeste com muita história.

Os bandeirantes levavam feijão cozido, carne de porco e fubá ou farinha de mandioca em suas expedições, dando origem ao tradicional virado à paulista.

Atualmente, o virado à paulista é muito consumido às segundas-feiras e fornece energia para um dia inteiro, porque combina feijão refogado com farinha, carne suína, linguiça, banana empanada, ovo, couve, torresmo e arroz.

Impossível não ter energia para o dia todo depois de saborear um virado à paulista completo.

Há pratos semelhantes ao virado à paulista nas comidas típicas da Região Sudeste, como o tutu de feijão.

No tutu, o feijão vira uma massinha com farinha de milho ou mandioca e é deliciosamente temperado com cebola, alho e gordura de porco, como bacon.

Frango com quiabo

Fonte: Flickr

O frango com quiabo é a redenção do quiabo, um vegetal deixado de lado porque possui baba.

O frango caipira é refogado, cozido com temperos e depois misturado ao quiabo, que cozinha nesse molho saboroso.

A combinação do frango com quiabo mostra a riqueza da culinária do Sudeste do Brasil, já que o quiabo é um vegetal de origem africana e o frango foi trazido pelos portugueses, dando origem a um prato único, um dos xodós dos mineiros.

Vale mencionar que está cada vez mais fácil encontrar quiabo pelo Brasil todo. Faça essa receita em casa e se surpreenda com a riqueza de sabores.

Cuscuz paulista

Top 10 Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil
Fonte: Wikimedia

O cuscuz paulista é um primo distante do cuscuz marroquino, uma das comidas típicas da África mais conhecidas e apreciadas mundo afora.

Feito com farinha de milho, peixe e até camarão, além de ovo cozido e vários temperos e vegetais, o cuscuz paulista tem origem tropeira, quando diversos ingredientes se misturavam à farinha de milho durante as expedições.

Antigamente, o cuscuz paulista era feito na cuscuzeira, mas hoje o formato de bolo é o mais comum.

O cuscuz paulista é um dos pratos da cultura caipira que adentrou a cidade grande e faz parte da culinária de São Paulo.

Filé a Osvaldo Aranha

Top 10 Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil
Fonte: Wikimedia

O filé a Osvaldo Aranha é outra das comidas da Região Sudeste de dar água na boca.

Um pedaço de carne bovina alto e suculento acompanhado de muito alho frito, batatas fritas rústicas, farofa e arroz.

O curioso nome “filé a Osvaldo Aranha” é em homenagem ao diplomata brasileiro Osvaldo Aranha, que costumava pedir esse prato no tradicional Restaurante Cosmopolita durante a década de 1930.

Moqueca capixaba

Top 10 Comidas Típicas da Região Sudeste do Brasil
Fonte: Wikimedia

A culinária capixaba tem uma ligação muito forte com a herança cultural indígena e africana, além de portuguesa. A moqueca capixaba é uma síntese dessas influências.

A moqueca capixaba é feita na panela de barro, sendo cozida apenas com sucos que saem dos peixes e dos frutos do mar e não é acrescentado dendê nem leite de coco, como na moqueca baiana.

A panela de barro da região de Goiabeiras, ao norte da Ilha de Vitória, é tão fundamental para a moqueca como são o peixe e os frutos do mar.

A moqueca costuma ser acompanhado de pirão, feito de caldo de peixe temperado e farinha de mandioca, além do molho de pimenta.

Torta capixaba

Fonte: Flickr

A torta capixaba é um cozido com diversos tipos de frutos do mar, como siri, camarão, ostra e sururu.

É tradicional comer a torta capixaba durante a Semana Santa, quando os católicos evitam a carne vermelha.

Feijoada carioca

Fonte: Pixabay

A feijoada é uma das comidas típicas do Brasil mais apreciadas pelos brasileiros e por quem visita nosso país.

Preparada para momentos especiais, quando a família se reúne, a feijoada é um prato forte, energético e irresistível.

A origem da feijoada é bem controversa, mas acredita-se que a feijoada brasileira seja a adaptação dos cozidos à base de feijão presentes em Portugal. A Revista Superinteressante explica essa questão.

Sabemos que há o mito dos escravos terem inventado a feijoada, usando pedaços menos nobres do porco. Mas os escravos, os mestiços e os brancos pobres muito dificilmente tinham acesso às carnes. Eles comiam principalmente vegetais das hortas que plantavam.

No Rio de Janeiro se criou uma tradição em torno da feijoada e eles sabem muito bem como fazê-la.

É difícil quem visita a cidade do Rio de Janeiro e não queira experimentar a feijoada local. Inclusive há vários restaurantes que servem feijoada, desde locais caros até populares, mas é sempre um prato bem servido.

Sabemos que as comidas típicas da Região Sudeste são muitas, mas este post foi apenas um resumo dessas delícias. Confira também as melhores comidas típicas do Nordeste!

Boa viagem!

Comparador de seguro viagem Seletor de hotéis

Teste o seletor de hotéis do Guia!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM

Reserva de hotéis

RESERVA DE HOTÉIS

Utilize o nosso link do Booking para conseguir as melhores ofertas de hotéis, pousadas e albergues.

O Booking oferece muitas vantagens: preços baixos, cancelamento gratuito de reservas, não é cobrada taxa de reserva e geralmente o pagamento é realizado somente na hora do check-in ou do check-out, na acomodação.

Melhor localização

CHECAR LOCALIZAÇÃO

Encontrou um hotel, mas não tem certeza se ele é bem localizado? Tire a dúvida com esta ferramenta gratuita. Ela analisará a localização, de acordo com uma metodologia específica, e atribuirá uma nota.

Vale dizer que a melhor área possível para se hospedar é aquela área agradável, segura, com acesso ao transporte público, restaurantes e próxima aos principais pontos turísticos.

Melhores hotéis

SELETOR DE HOTÉIS

O Seletor de Hotéis é uma ferramenta online, totalmente gratuita, que seleciona os hotéis, hostels, apartamentos, pousadas e hotéis-fazenda mais adequados ao perfil do viajante. Por meio de um método matemático, o Seletor de Hotéis descobre os hotéis perfeitos para você em qualquer cidade do mundo.

A única coisa que o viajante deve fazer é elencar (de 1 a 5) suas prioridades em relação às características dos hotéis. Qual é a ordem de importância das características do hotel para o viajante? Por exemplo: melhor localização, menor preço, maior qualidade, mais reservado e tamanho do hotel.

Reserva de carros

ALUGUEL DE CARROS

O Rentcars é um comparador de preços para encontrar a melhor tarifa no aluguel de carros em mais de 140 países.

Há várias vantagens em utilizar o serviço: não há cobrança de IOF, você pode realizar parcelamento, são muitas locadoras comparadas e não há cobrança de taxa para emissão da sua reserva.

Além disso, por padrão estão inclusas nas diárias Rentcars: quilometragem livre, proteção básica e as taxas administrativas da locadora.

Melhores seguros viagem

SEGURO VIAGEM

Tá em dúvida sobre qual seguro viagem comprar? O SegurosPromo é um comparador de seguros viagem que te ajuda a encontrar os melhores preços das principais seguradoras.

Utilize o nosso link para conseguir os preços mais baixos, bem como o cupom de desconto NOMADEDIGITAL5 para ganhar 5% de desconto.

Podcast de viagem

GUIA DE VIAGEM

O Papo Viagem Podcast é um guia de viagem em áudio gratuito sobre vários destinos que conhecemos.

Nós contamos a nossa experiência nas cidades e passamos dicas sobre onde se hospedar, melhor época para viajar, atrações e muito mais.

Loja do viajante

LOJA DO VIAJANTE

Sabe quando você utiliza um check-list de viagem e descobre que faltam alguns itens para a sua bagagem?

Selecionamos produtos importantes que nós utilizamos e recomendamos você levar na sua viagem. Eles estão apresentados na Loja do Viajante

Sobre o autor

Internacionalista, jornalista e viajante apaixonada por cultura e história, todos os dias eu consigo unir minhas paixões escrevendo no Guia do Nômade Digital. Acredito que ler e se informar transformam as férias em uma experiência inesquecível. Já escrevi um guia de viagem sobre a Cidade do México e apresentei mais de 80 episódios do Papo Viagem Podcast.

Sem Comentários

    Deixe um Comentário

    error: Conteúdo protegido.