Menu
América do Norte

O que fazer no Stanley Park em Vancouver?

Atualizado em: 16 de setembro de 2023

O Stanley Park em Vancouver é a maior e mais importante área verde da cidade. São 400 hectares cobertos por floresta úmida (rainforest). Ele fica colado ao centro e é conectado a North Vancouver pela Ponte Lions Gate.

Nós fizemos um passeio perfeito no Stanley Park em uma manhã de sol, a condição mais adequada para aproveitar tudo que ele tem para oferecer. A seguir vamos te dar dicas para planejar seu passeio por lá.

Porém, vamos começar pela história do Stanley Park. Essa região era usada pelos Povos Indígenas para pescar e caçar, especialmente as Nações Squamish, Musqueam e Tsleil-Waututh, que vivem na província de British Columbia há milênios.

Contudo, foram os britânicos que iniciaram o processo de formação do parque a partir de 1888. E foram eles que nomearam o local em homenagem ao Lorde Stanley, Governador Geral do Canadá naquela época.

Uma curiosidade é que o Stanley Park não foi pensado por um arquiteto, como o Parque do Monte Royal em Montreal e o Central Park de Nova York.

O Stanley Park tem mais natureza selvagem, com meio milhão de árvores, algumas chegando a mais de 70 metros de altura. É claro que há construções e elas fazem parte das atrações sobre o que fazer no Stanley Park em Vancouver.

Leia também nosso artigo completão sobre onde ficar em Vancouver bem localizado e em hotéis que valem o dinheiro gasto!

O que fazer no Stanley Park em Vancouver?

O que fazer no Stanley Park em Vancouver?
Third Beach vista do Seawall

Seawall do Stanley Park

A maioria dos passeios pelo Stanley Park começa no Seawall, um caminho à beira-mar com espaço para pedestres e ciclistas.

Os pedestres têm o privilégio de caminhar pertinho do mar e poder contemplar a paisagem com calma. Além disso, os ciclistas são obrigados a seguir em sentido anti-horário, porque não há pistas de ida e volta. Já os pedestres ficam mais à vontade!

Seawall em uma área na qual a pista das bicicletas fica escondida pelas árvores. Ao fundo, a Ponte Lions Gate.

Como o Seawall tem 10 km de extensão, fazer tudo a pé é cansativo. Por isso, mesclamos pedaladas e caminhadas, incluíndo trilhas na mata do Stanley Park.

Nós usamos o aplicativo Mobi, que aluga bicicletas por toda a cidade. Pegamos a bike na interseção das ruas Robson e Chilco. Nós pagamos 25 centavos por hora e usamos até chegar aos totem poles, apenas 2km quilômetros à frente.

Como visitamos o parque em um sábado de sol, a quantidade de ciclistas era enorme e a pista apertada. Para nós, foi mais relaxante caminhar e fazer as trilhas. Lembre-se disso: nos finais de semana com sol, a ciclovia fica lotada.

Totem Poles no Stanley Park

O que fazer no Stanley Park em Vancouver?
Totem Poles no Stanley Park

Desde a década de 1920, há Arte Indígena no parque. Contudo, a localização atual, na região do Brockton Point, foi instituída a partir de 1960.

Além disso, os totem poles antigos foram enviados para as Nações Indígenas aos quais pertenciam e outros foram parar em museus. Portanto, os totem poles antigos no Brockton Point são réplicas, porém, os mais novos são originais, feitos por artistas indígenas locais.

Há ao total nove totem poles perto do Centro de Visitantes do Brockton Point, local onde você também encontra loja de souvenir, banheiros públicos e bicicletas Mobi.

Saiba que há mais obras de arte ao longo do Seawall, como: Girl in a Wetsuit, a estátua de uma mergulhadora, obra de Elek Imredy (lembra a pequena sereia de Copenhague); e uma réplica da proa do navio SS Empress of Japan (a original está no Museu Marítimo de Vancouver).

Dos totem poles até as duas estátuas mencionadas são apenas 600 metros. Nossa recomendação é caminhar mais 1,4 km até a entrada da Avison Trail e seguir para o Mirante Prospect Point.

Mirante Prospect Point

Prospect Point e sua vista de cartão-postal (é clichê, mas é verdade).

Um dos mirantes com a vista mais bonita da Ponte Lions Gate e das montanhas de North Vancouver é o Prospect Point, que pode ser acessado de carro pela Stanley Park Drive.

De lá, tem-se uma vista espledorosa das montanhas, além da ponte monumental. O local conta com ótima estrutura, com banheiros públicos, estacionamento e lanchonete.

Praticamente, todo o turista de excursão passa por lá, mas é possível acessá-lo vindo das trilhas, como nós fizemos.

Primeiro, nós caminhamos pela Avison Trail a partir do Seawall e depois subimos em direção ao Mirante. A subida foi cansativa, mas não demorou nem 10 minutos.

O que fazer no Stanley Park em Vancouver?
Avison Trail

Nós continuamos o passeio pelas trilhas, mas dessa vez apenas descendo. Primeiro, pegamos a Prospect Point Trail, depois seguimos pela Merilees até a Siwash Rock, tendo como destino a Third Beach.

A partir da Siwash Rock Trail você pode descer ao Seawall para ver a Siwash Rock no mar, que de acordo com a lenda da Nação Squamish é um homem que foi transformado em pedra.

As trilhas que fizemos estão marcadas no mapa no final deste artigo.

Praias em Vancouver: Third Beach

Third Beach

A Third Beach é uma das melhores praias de Vancouver e costuma ser tranquila, já que está localizada na região do Ferguson Point, uma área não tão fácil de ser acessada.

É claro que não podemos compará-la as praias brasileiras. Ela é bonita para o padrão do Canadá e é uma praia de areia natural (não é artificial).

Devido à sua localização, ela é adequada para ver o pôr do sol, assim como a praia seguinte, a Second Beach (que tem uma baita piscina externa) e a English Bay, mais urbana e sempre cheia.

A partir da Second Beach você pode ir a Lost Lagoon, a maior laguna dentro do parque.

Outras atrações do Stanley Park em Vancouver

  • Aquário de Vancouver: é o maior aquário do país, sendo uma atração muito procurada por famílias. Nós não chegamos a visitá-lo, até porque os preços são altos, pelo menos $40 para pessoas com idade entre 13 e 64 anos.
  • Beaver Lake: há uma trilha de 1,5 km que leva ao pequeno lago saindo do Seawall.

Mapa com as atrações do Stanley Park em Vancouver

Confira no mapa a localização das atrações e das trilhas mencionadas ao longo do artigo. Basta clicar no “botão com seta” para acessar a legenda do mapa.

Esperamos que as dicas deste post te ajudem a aproveitar essa belezura da natureza que é o Stanley Park! Leia também nosso artigo sobre os melhores bairros para se hospedar em Vancouver!

Boa viagem, Viajante!

Comparador de seguro viagem Seletor de hotéis

Teste o seletor de hotéis do Guia!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM

Reserva de hotéis

RESERVA DE HOTÉIS

Utilize o nosso link do Booking para conseguir as melhores ofertas de hotéis, pousadas e albergues.

O Booking oferece muitas vantagens: preços baixos, cancelamento gratuito de reservas, não é cobrada taxa de reserva e geralmente o pagamento é realizado somente na hora do check-in ou do check-out, na acomodação.

Reserva de carros

ALUGUEL DE CARROS

O Rentcars é um comparador de preços para encontrar a melhor tarifa no aluguel de carros em mais de 140 países.

Há várias vantagens em utilizar o serviço: não há cobrança de IOF, você pode realizar parcelamento, são muitas locadoras comparadas e não há cobrança de taxa para emissão da sua reserva.

Além disso, por padrão estão inclusas nas diárias Rentcars: quilometragem livre, proteção básica e as taxas administrativas da locadora.

Melhores seguros viagem

SEGURO VIAGEM

Tá em dúvida sobre qual seguro viagem comprar? A Real Seguro Viagem oferece um comparador de seguros viagem que te ajuda a encontrar os melhores preços das principais seguradoras.

Utilize o nosso link para conseguir os preços mais baixos e com desconto.

Loja do viajante

LOJA DO VIAJANTE

Sabe quando você utiliza um check-list de viagem e descobre que faltam alguns itens para a sua bagagem?

Selecionamos produtos importantes que nós utilizamos e recomendamos você levar na sua viagem. Eles estão apresentados na Loja do Viajante

Melhor localização

CHECAR LOCALIZAÇÃO

Encontrou um hotel, mas não tem certeza se ele é bem localizado? Tire a dúvida com esta ferramenta gratuita. Ela analisará a localização, de acordo com uma metodologia específica, e atribuirá uma nota.

Vale dizer que a melhor área possível para se hospedar é aquela área agradável, segura, com acesso ao transporte público, restaurantes e próxima aos principais pontos turísticos.

Melhores hotéis

SELETOR DE HOTÉIS

O Seletor de Hotéis é uma ferramenta online, totalmente gratuita, que seleciona os hotéis, hostels, apartamentos, pousadas e hotéis-fazenda mais adequados ao perfil do viajante. Por meio de um método matemático, o Seletor de Hotéis descobre os hotéis perfeitos para você em qualquer cidade do mundo.

A única coisa que o viajante deve fazer é elencar (de 1 a 5) suas prioridades em relação às características dos hotéis. Qual é a ordem de importância das características do hotel para o viajante? Por exemplo: melhor localização, menor preço, maior qualidade, mais reservado e tamanho do hotel.

Podcast de viagem

GUIA DE VIAGEM

O Papo Viagem Podcast é um guia de viagem em áudio gratuito sobre vários destinos que conhecemos.

Nós contamos a nossa experiência nas cidades e passamos dicas sobre onde se hospedar, melhor época para viajar, atrações e muito mais.

Sobre o autor

Internacionalista, jornalista e viajante apaixonada por cultura e história, todos os dias eu consigo unir minhas paixões escrevendo no Guia do Nômade Digital. Acredito que ler e se informar transformam as férias em uma experiência inesquecível. Já escrevi um guia de viagem sobre a Cidade do México e apresentei mais de 80 episódios do Papo Viagem Podcast.

Sem Comentários

    Deixe um Comentário

    error: Conteúdo protegido.