Menu
Brasil

Para Onde Viajar no Brasil em Junho: 11 Destinos

Atualizado em: 8 de fevereiro de 2021

Junho até que é um mês movimentado, tendo o dia dos namorados e o feriado de Corpus Christi como dias de viagem. E há vários destinos para viajar no Brasil em junho, principalmente no interior do país.

A seguir apresentamos lugares para viajar no Brasil com clima adequado para aproveitar bem as férias. Mas saiba que no artigo sobre turismo em maio, há outras opções.

11 Destinos para Viajar no Brasil em Junho

Lençóis Maranhenses

Fonte: Wikimedia

Junho inicia a melhor época para visitar os Lençóis Maranhenses, um dos lugares mais bonitos do planeta.

Com as chuvas dos meses anteriores, as lagoas ficam cheias, mas em junho mesmo chove pouco, garantindo aproveitar bem os passeios.

A porta de entrada é o município de Barreirinhas, sendo o melhor lugar para se hospedar nos Lençóis Maranhenses em termos de estrutura.

Mas nos povoados de Santo Amaro e Atins também há muito para visitar. As lagoas da Gaivota e da Andorinha são facilmente acessadas a partir de Santo Amaro, sendo lagoas grandes e deslumbrantes.

Já Atins é um destino para descansar, aproveitar o azul deslumbrante da Lagoa Tropical e praticar kitesurf. Esse povoado pode ser visitado a partir de Barreirinhas em um passeio.

Aliás, a partir de Barreirinhas é possível fazer muitos passeios para povoados próximos e principalmente para as lagoas, como a grande Lagoa Azul.

Saiba que os guias locais mudam os roteiros de acordo com o surgimento de novas lagoas, afinal, as dunas se deslocam com o vento.

Portanto, motivos para visitar os Lençóis Maranhenses não faltam. Se você puder, dedique no mínimo 3 dias inteiros para os Lençóis e conheça também a cultural São Luís do Maranhão.

Veja nossas sugestões sobre onde ficar em Barreirinhas nas pousadas que mais valem a pena, também com dicas sobre Santo Amaro e Atins!

Manaus

Teatro Amazonas e Largo de São Sebastião. Fonte: Wikimedia

Manaus é um destino de viagem que todo o brasileiro deveria ter a oportunidade de conhecer, porque mescla história, natureza diferenciada e cultura indígena.

As atrações de Manaus são variadas, como visitar o Teatro Amazonas e outras construções neoclássicas do período de prosperidade da borracha, ver o encontro dos rios Solimões e Negro, visitar uma aldeia indígena e provar a deliciosa comida local.

A gastronomia da Região Norte deve ser considerada um ponto turístico por ser única. Há desde variedade de peixes e usos para a mandioca até as frutas amazônicas super saborosas, que podem ser encontradas até como sorvetes.

Outra atração interessante é conhecer o MUSA, o Museu da Amazônia, localizado em uma área periférica de Manaus.

O diferencial do MUSA não é seu acervo, mas sim o jardim botânico e a torre com belas vistas para a Floresta Amazônica.

Quem tem mais tempo pode se hospedar em um hotel na selva ou visitar as várias cachoeiras na cidade de Presidente Figueiredo.

Saiba também onde ficar em Manaus nos melhores bairros e hospedagens!

Belém

Mercado Ver-o-Peso. Fonte: Flickr

Outro destino para viajar no Brasil em junho é Belém do Pará, incluindo ou não alguns dias mais sossegados na Ilha do Marajó.

Além de provar a ótima culinária do Norte do Brasil, Belém proporciona passeios históricos, como ao Forte do Presépio (que possui um pequeno museu), ao belíssimo Teatro da Paz (com destaque para a sala de espetáculos) e para as igrejas.

As duas igrejas mais conhecidas fazem parte do Sírio de Nazaré, sendo a Catedral da Sé o local de saída da imagem religiosa até chegar à Basílica Santuário de Nossa Senhora de Nazaré.

É claro que também fazem parte do passeio ir ao tradicional Mercado Ver-o-Peso e à moderna Estação das Docas.

Para visitar a cidade é essencial saber muito bem onde ficar em Belém!

Jalapão

Dunas do Jalapão. Fonte: Flickr

Em maio se inicia a época seca no Jalapão, uma grande área de cerrado em Tocantins, que também é perfeita para fazer turismo em junho.

Apesar de ser possível visitar o Jalapão durante todo o ano, é em maio e junho que acontece a combinação de campos ainda verdes com cachoeiras volumosas e dias e noites de tempo aberto.

Uma viagem mais tranquila e sem perrengues ao Jalapão inclui contratar agências ou guias locais. Quem quer fazer por conta própria tem que alugar um carro 4×4 e planejar muito bem as férias.

O que fazer no Jalapão inclui vários fervedouros (poços de água fáceis de boiar envoltos em mata), cachoeiras, dunas e a trilha na Serra do Espírito Santo.

Entre as cachoeiras, a Cachoeira da Velha é a maior, ideal para tomar banho e também há a opção de rafting nos meses secos, como em junho.

Já Cachoeira do Formiga é menor, mas tem a cor da água imbatível. É claro que águas claras também estão presentes nos fervedouros, como o Bela Vista, Buritizinho e do Ceiça, bastante conhecidos e visitados.

Não podemos deixar de mencionar um dos cartões-postais que é assistir ao pôr do sol nas Dunas do Jalapão com a Serra do Espírito Santo no horizonte.

Pantanal

Balneário Municipal em Bonito. Fonte: Wikimedia

O Pantanal é um extenso destino para viajar no Brasil em junho, localizado em Mato Grosso e Mato Grosso do Sul.

A maioria dos roteiros pelo Pantanal passa pela cidade de Bonito, que oferece grutas deslumbrantes, como a Gruta do Lago Azul, balneários de águas claras no Rio Formoso, cachoeiras e muitas flutuações (snorkel).

Mas saiba que espalhadas pelo Pantanal Sul e Norte há fazendas com atrações para vários públicos.

Em junho, como as chuvas terminaram há pouco, a paisagem ainda está muito verde e os animais ficam mais visíveis. Ou seja, tempo ideal para fotografar as belezas do Pantanal.

Nas fazendas, há estrutura turística com muitos passeios, como: de barco; para ver aves no seu habitat natural; safári fotográfico, inclusive à noite, porque muitos animais têm hábitos noturnos.

Uma ideia bem bacana é fazer a viagem de carro pelo Brasil na Transpantaneira e ir parando nessas fazendas. Perto da própria estrada dá para ver muitos animais.

Chapada Diamantina

Fonte: Pixabay

A Chapada Diamantina é um dos parques nacionais mais bonitos no Brasil, local ideal para fazer ecoturismo e turismo de aventura.

O bom de visitar a Chapada Diamantina em junho é porque ocorrem menos chuvas, mas as paisagens ainda verdes.

O cartão-postal da região é apreciar o pôr do sol no Morro do Pai Inácio, uma das vistas mais espetaculares do Brasil.

Além disso, há muitas cachoeiras para tomar banho, como as mais conhecidas do Buracão e da Fumaça. Há dezenas de opções acessíveis por trilhas com diversos níveis de dificuldade.

Saiba que na Chapada também há poços de água em cavernas com belos tons de azul quando o sol adentra. Exemplos são o Poço Azul e o Poço Encantado.

Por ser um destino de turismo de aventura, não faltam trilhas para os mais diversos condicionamentos físicos, que sempre passam por belas paisagens, cachoeiras, grutas e cavernas.

Veja nossas sugestões de cidades para se hospedar na Chapada Diamantina!

Chapada dos Veadeiros

Cachoeira de Santa Bárbara. Fonte: Wikimedia

Junho é um ótimo mês para visitar a Chapada dos Veadeiros, um dos principais parques naturais do país, sendo Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

A porta de entrada é a cidade de Alto Paraíso de Goiás, local de saída de vários passeios, que normalmente incluem trilhas que levam a belas cachoeiras e paredões de rocha.

Uma das cachoeiras mais bonitas é a Catarata dos Couros, com bom volume de água e uma boa área para nadar. Já a Cachoeira do Segredo tem a água bem clarinha. Não podemos deixar de mencionar o inusitado Vale da Lua, super fotogênico.

Como junho é um mês bom para visitar o estado de Goiás, quem tem mais tempo de férias pode incluir outras cidades no roteiro, como as históricas Pirenópolis e Cidade de Goiás, sendo a última a antiga capital do estado.

Veja nossas dicas de pousadas sobre onde ficar em Pirenópolis!

Destinos nas Serras

Junho já é um mês frio de verdade nas principais regiões serranas espalhadas pelo Brasil, principalmente no centro-sul.

Para quem deseja ter a chance (mesmo que pequena) de ver neve, julho é um mês melhor. Mas esse fenômeno é imprevisível.

De qualquer maneira, em junho as regiões serranas não estão lotadas como no mês de férias e é mais fácil planejar e pagar a viagem.

Para quem busca um destino cheio de atrações, a Serra Gaúcha é uma das melhores opções, porque a quantidade de atrações faz com que todo o turista encontre opções condizentes com seu gosto.

Vale a pena estender o passeio para as cidades próximas a Gramado, como Bento Gonçalves e Garibaldi, cidades essenciais para quem gosta de enoturismo.

Já a região da Serra da Mantiqueira tem em Campos do Jordão e Monte Verde dois ótimos destinos para viajar no Brasil em junho, seja pelo frio ou porque chove pouco quando comparamos com o verão.

Monte Verde é um local ideal para casais ou para quem busca sossego, mas com pousadas excelentes. Ecoturismo também não falta nas trilhas pela Serra da Mantiqueira.

Campos do Jordão é um destino para a família toda, inclusive crianças, devido aos seus belos jardins e parques.

Outra opção é a Serra Catarinense, que costuma ser uma das mais frias do Brasil. O bom da Serra Catarinense é que há muitas pousadas boas que oferecem atividades rurais.

Sem dúvida, o público alvo da Serra Catarinense é formado por viajantes que buscam tranquilidade acima de tudo e alguns passeios para curtir a natureza singular da região.

Veja nossas sugestões sobre onde ficar na Serra Catarinense!

Cidades Históricas de Minas Gerais

Ouro Preto. Fonte: Wikimedia

As cidades históricas de Minas Gerais entram na lista de lugares que todo o brasileiro deveria ter a oportunidade de conhecer, tanto pela questão histórica quanto de arquitetura e arte.

O ideal é fazer um roteiro de viagem que inclua também Belo Horizonte, afinal, BH tem ótimos museus, restaurantes para todos os gostos e a Pampulha, que é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

As cidades históricas que devem estar no roteiro são Ouro Preto (passeios para Mariana e Congonhas) e Tiradentes (passeio para São João del-Rei).

Diamantina fica mais distante dessas cidades mais conhecidas. Se você tem mais tempo, vale a pena incluí-la no roteiro juntamente como Serro, a capital do queijo em Minas.

Nas cidades históricas, há casarões que foram importantes ao longo da época da mineração, ricas igrejas barrocas adornadas principalmente por Aleijadinho e Mestre Ataíde e cenários antigos perfeitos para fotografar.

Também dá para visitar lugares com natureza, como passar alguns dias em Conceição da Ibitipoca, porta de entrada para o Parque Estadual de Ibitipoca e suas trilhas e cachoeiras; assim como Capitólio para fazer passeios no Lago de Furnas; e até mesmo a tradicional e exuberante Serra da Canastra.

Veja nossas dicas de bairros e hospedagens sobre onde ficar em Belo Horizonte!

Sul da Bahia

A melhor época para visitar o litoral sul da Bahia é depois de maio, porque as chuvas diminuem consideravelmente, condição ideal para o turismo na região, mais focado em praias e passeios ao ar livre.

Porto Seguro é a principal cidade no sul do estado, tendo várias vilas interessantes e muitas praias. É melhor visitá-la em junho, porque em julho a cidade ferve com as férias escolares.

Na vila principal de Porto Seguro, o destaque fica por conta do pequeno centro histórico na Cidade Alta, pelas praias badaladas e pela vida noturna.

Quem deseja uma viagem mais completa deve fazer o passeio para Arraial d’Ajuda, que pode ser um passeio de um dia.

Trancoso é um destino para se hospedar, porque possui ótima estrutura turística e permite conhecer belas praias com mais facilidade, como a Praia do Espelho.

Para quem busca por tranquilidade, Caraíva é outro destino imperdível no litoral sul da Bahia.

Mais ao sul ainda há a cidade de Prado, com dezenas de quilômetros de praias para todos os gostos, principalmente locais tranquilos e familiares, que as crianças adoram.

Angra dos Reis e Paraty

Fonte: Rodrigo Soldon em Flickr

Outro destino no litoral em junho é o litoral sul do Rio de Janeiro, com destaque para Angra dos Reis e Paraty.

Junho é um dos meses que menos chove na região e as temperaturas são agradáveis.

Paraty dispensa apresentações, sendo uma importante cidade histórica no litoral. Vale complementar o roteiro com as enseadas de Angra dos Reis.

Para quem gosta de muitas praias preservadas e trilhas, a Ilha Grande é um dos destinos a viajar no Brasil em junho, com destaque para as praias de Lopes Mendes e do Aventureiro, além das águas claras da Lagoa Azul.

Esperamos que as dicas sobre onde viajar no Brasil em junho tenham sido úteis! Veja também os melhores destinos para viajar no Brasil em maio!

Boa viagem!

Comparador de seguro viagem Seletor de hotéis

Teste o seletor de hotéis do Guia!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM

Reserva de hotéis

RESERVA DE HOTÉIS

Utilize o nosso link do Booking para conseguir as melhores ofertas de hotéis, pousadas e albergues.

O Booking oferece muitas vantagens: preços baixos, cancelamento gratuito de reservas, não é cobrada taxa de reserva e geralmente o pagamento é realizado somente na hora do check-in ou do check-out, na acomodação.

Melhor localização

CHECAR LOCALIZAÇÃO

Encontrou um hotel, mas não tem certeza se ele é bem localizado? Tire a dúvida com esta ferramenta gratuita. Ela analisará a localização, de acordo com uma metodologia específica, e atribuirá uma nota.

Vale dizer que a melhor área possível para se hospedar é aquela área agradável, segura, com acesso ao transporte público, restaurantes e próxima aos principais pontos turísticos.

Melhores hotéis

SELETOR DE HOTÉIS

O Seletor de Hotéis é uma ferramenta online, totalmente gratuita, que seleciona os hotéis, hostels, apartamentos, pousadas e hotéis-fazenda mais adequados ao perfil do viajante. Por meio de um método matemático, o Seletor de Hotéis descobre os hotéis perfeitos para você em qualquer cidade do mundo.

A única coisa que o viajante deve fazer é elencar (de 1 a 5) suas prioridades em relação às características dos hotéis. Qual é a ordem de importância das características do hotel para o viajante? Por exemplo: melhor localização, menor preço, maior qualidade, mais reservado e tamanho do hotel.

Reserva de carros

ALUGUEL DE CARROS

O Rentcars é um comparador de preços para encontrar a melhor tarifa no aluguel de carros em mais de 140 países.

Há várias vantagens em utilizar o serviço: não há cobrança de IOF, você pode realizar parcelamento, são muitas locadoras comparadas e não há cobrança de taxa para emissão da sua reserva.

Além disso, por padrão estão inclusas nas diárias Rentcars: quilometragem livre, proteção básica e as taxas administrativas da locadora.

Melhores seguros viagem

SEGURO VIAGEM

Tá em dúvida sobre qual seguro viagem comprar? O SegurosPromo é um comparador de seguros viagem que te ajuda a encontrar os melhores preços das principais seguradoras.

Utilize o nosso link para conseguir os preços mais baixos, bem como o cupom de desconto NOMADEDIGITAL5 para ganhar 5% de desconto.

Podcast de viagem

GUIA DE VIAGEM

O Papo Viagem Podcast é um guia de viagem em áudio gratuito sobre vários destinos que conhecemos.

Nós contamos a nossa experiência nas cidades e passamos dicas sobre onde se hospedar, melhor época para viajar, atrações e muito mais.

Loja do viajante

LOJA DO VIAJANTE

Sabe quando você utiliza um check-list de viagem e descobre que faltam alguns itens para a sua bagagem?

Selecionamos produtos importantes que nós utilizamos e recomendamos você levar na sua viagem. Eles estão apresentados na Loja do Viajante

Sobre o autor

Internacionalista, jornalista e viajante apaixonada por cultura e história, todos os dias eu consigo unir minhas paixões escrevendo no Guia do Nômade Digital. Acredito que ler e se informar transformam as férias em uma experiência inesquecível. Já escrevi um guia de viagem sobre a Cidade do México e apresentei mais de 80 episódios do Papo Viagem Podcast.

Sem Comentários

    Deixe um Comentário

    error: Conteúdo protegido.