Menu
Oceania

Quanto custa viajar para Sydney, Austrália? E dicas para economizar

Atualizado em: 8 de fevereiro de 2022

Sydney é uma cidade ótima para fazer turismo, porque possui atrações de qualidade, além de muita beleza natural. Há até praias excelentes a poucos minutos do centro. Mas é um local caro para visitar, por isso, antes mesmo de comprar a passagem aérea, é essencial saber quanto custa viajar para Sydney, na Austrália.

A moeda da Austrália é o dólar australiano e, no começo de 2022, 1 dólar australiano custava 3,77 reais.

Já foi mais barato viajar para a Austrália porque o real estava menos desvalorizado. A taxa de câmbio impacta demais nas férias fora do Brasil.

A seguir vamos apresentar os custos de uma viagem para Sydney. Essas estimativas são semelhantes aos gastos para turistar em outras cidades australianas.

Quanto custa viajar para Sydney, Austrália?

Quanto custa viajar para Sydney, Austrália? E dicas para economizar
Opera House vista a partir da Harbour Bridge

Seguro viagem para a Austrália

Um item da viagem que não custa caro é o seguro viagem, sendo indispensável nos dias de hoje.

Apesar de ser um país seguro, o clima e a vegetação da Austrália são diferentes e é comum alguns turistas desenvolverem alergias, por exemplo. Foi isso que aconteceu conosco!

Além disso, sempre recomendamos viajar com seguro viagem por precaução, ainda mais em um país com custos médicos altos.

É possível adquirir apólices de seguro viagem para a Austrália custando entre R$ 27 e R$ 35 por pessoa por dia. Nesse caso, são seguros que cobrem gastos com Covid-19.

Mas há seguros mais baratos, com preços inferiores a R$ 20 por dia por pessoa.

Essas apólices são encontradas no Seguros Promo, o site comparador de seguros que utilizamos há 5 anos.

Saiba que há cupom de desconto nos banners do Seguros Promo no nosso site. Fique de olho!

Quanto custa uma passagem aérea para Sydney, Austrália?

Uma passagem aérea para Sydney ou para qualquer destino na Austrália não é barata porque o país fica distante do Brasil e o real está muito desvalorizado.

Por isso, é essencial pesquisar com antecedência e ter flexibilidade na escolha das datas.

Normalmente, viajar fora do verão garante uma passagem mais em conta, assim como antecipar a compra da passagem em pelo menos 3 meses.

Então, na atual conjuntura, espere gastar com a passagem aérea perto de R$ 6500 por pessoa, ida e volta.

Quanto custa um hotel em Sydney bem localizado?

Darling Harbour
Darling Harbour no centro de Sydney

No nosso artigo sobre onde ficar em Sydney, selecionamos hotéis com vários preços, mas são valores que dependem da reserva ser feita com antecedência.

No centro de Sydney, que é a melhor região para se hospedar, é possível encontrar hospedagens com os seguintes preços (em dólares australianos).

  • Hostels: uma cama em dormitório compartilhado em um hostel com boa estrutura costuma custar entre $30 e $45, sendo locais com ótima localização.
  • Hotéis econômicos: é possível encontrar hotéis baratos por menos de $100 a diária para o quarto duplo. Mas os hotéis bons e baratos custam entre $100 e $120.
  • Hotéis confortáveis: para quem deseja dormir em um quarto com bom tamanho, o orçamento por dia para um quarto duplo deve ser de $150. Muitas vezes, é possível gastar menos do que isso dependendo da época do ano.

Por ser uma cidade bastante procurada para turismo e viagens a trabalho, há todo o tipo de hotel em Sydney, inclusive hotéis de luxo.

Hotéis sofisticados muito bons, mas que não custam um absurdo, tem quartos a partir de $270 por dia.

Gastos com atrações em Sydney

Quanto custa viajar para Sydney, Austrália? E dicas para economizar
O Jardim Botânico é belíssimo e gratuito

No nosso artigo sobre o que fazer em Sydney, elencamos mais de 30 pontos turísticos. Há muitas atrações caras na cidade, mas trouxemos várias sugestões de atrações de graça que são muito boas.

Caminhar e fotografar a Opera House, a Harbour Bridge, o Darling Harbour e o bairro The Rocks são passeios gratuitos e que rendem fotos lindas, ainda mais nos dias de sol.

Além disso, um ponto turístico pode ser visitado de várias formas. Você pode só observar a Opera House, sem pagar nada, ou ir a um espetáculo (custo mínimo de $50) ou participar de uma visita guiada ($40).

Nós caminhamos pela Harbour Bridge de graça e tiramos fotos ótimas da região. Mas se você quiser escalar, prepare-se para pagar $200 por pessoa. Já o museu Pylon Lookout, na própria ponte, custa apenas $19 e tem vistas espetaculares.

Além disso, há praias bonitas de verdade e que só custam o pagamento do transporte público.

Então, o que quero dizer é que dá para fazer roteiros econômicos, apenas é preciso conhecer bem os pontos turísticos de Sydney, como mostramos no nosso artigo.

Pelos nossos cálculos, os viajantes costumam gastar a partir de $120 com atrações pagas, como museus e zoológicos.

Custo de transporte

Sydney conta com trens, VLT, ônibus e barcos no sistema de transporte público. A tarifa varia por modo de transporte e pelos quilômetros percorridos.

De qualquer maneira, usando o cartão do transporte público (Opal Card) você pagará no máximo $16,30 por dia, $50 por semana ou $8,15 sábados, domingos e feriados, independente da quantidade de viagens e meios utilizados.

Então, dá para ter certeza dos gastos com deslocamento.

Gastos com alimentação

Alimentação é um gasto que pesa nas férias, ainda mais quando se passa o dia todo passeando.

Na Austrália, muitas vezes nós recorremos aos supermercados e aproveitamos os produtos locais mais em conta.

Mesmo para quem não tem uma cozinha, é essencial ter alguns lanches e petiscos na mochila na hora que a fome apertar e o supermercado serve para fazer esse abastecimento estratégico.

De modo geral, espere gastar no mínimo $15 em lanches econômicos, como hambúrgueres. Já os restaurantes baratos com comida estrangeira, principalmente asiática, costumam ter preços na casa dos $20 por prato.

Esses são os valores mínimos no quesito restaurantes em Sydney.

Quanto custa uma viagem para Sydney, na Austrália? Estimativas de gastos para três orçamentos

Como as informações que apresentamos neste artigo, você já tem uma noção de quanto custa viajar para Sydney.

De qualquer maneira, nós calculamos estimativas de gastos por dia para três orçamentos.

  • Mochileiro: o viajante que se hospeda em hostel, utiliza a cozinha da acomodação e dá preferências às atrações gratuitas, pode gastar entre $75 e $115 por dia por pessoa, já incluindo gastos com deslocamento e seguro viagem.
  • Econômico: o viajante econômico se beneficia do planejamento para economizar, principalmente com hotel. Também é essencial ser criterioso nas atrações a visitar. Saiba que um viajante econômico que divide o quarto duplo com seu companheiro de viagem costuma gastar entre $135 e $165 por dia por pessoa.
  • Confortável: o viajante que busca conforto, mas sem esbanjar, também deve ficar atendo aos custos de hospedagem. Para esse perfil de turista, espere gastar entre $200 e $250 por dia por pessoa.

O valor da passagem aérea não entrou na conta, mas é o custo mais alto das férias na Austrália.

No decorrer deste artigo apresentamos dicas para economizar, mas vale reforçar que o principal é escolher bem a data da viagem, evitando períodos de alta temporada, que encarecem as passagens e os hotéis.

Esperamos que as dicas sobre quanto custa viajar para Sydney, na Austrália, tenham sido úteis! Leia também nosso artigo especial sobre onde se hospedar em Sydney bem localizado e em hotéis que valem a pena!

Boa viagem!

Comparador de seguro viagem Seletor de hotéis

Teste o seletor de hotéis do Guia!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM

Reserva de hotéis

RESERVA DE HOTÉIS

Utilize o nosso link do Booking para conseguir as melhores ofertas de hotéis, pousadas e albergues.

O Booking oferece muitas vantagens: preços baixos, cancelamento gratuito de reservas, não é cobrada taxa de reserva e geralmente o pagamento é realizado somente na hora do check-in ou do check-out, na acomodação.

Reserva de carros

ALUGUEL DE CARROS

O Rentcars é um comparador de preços para encontrar a melhor tarifa no aluguel de carros em mais de 140 países.

Há várias vantagens em utilizar o serviço: não há cobrança de IOF, você pode realizar parcelamento, são muitas locadoras comparadas e não há cobrança de taxa para emissão da sua reserva.

Além disso, por padrão estão inclusas nas diárias Rentcars: quilometragem livre, proteção básica e as taxas administrativas da locadora.

Melhores seguros viagem

SEGURO VIAGEM

Tá em dúvida sobre qual seguro viagem comprar? A Real Seguro Viagem oferece um comparador de seguros viagem que te ajuda a encontrar os melhores preços das principais seguradoras.

Utilize o nosso link para conseguir os preços mais baixos e com desconto.

Loja do viajante

LOJA DO VIAJANTE

Sabe quando você utiliza um check-list de viagem e descobre que faltam alguns itens para a sua bagagem?

Selecionamos produtos importantes que nós utilizamos e recomendamos você levar na sua viagem. Eles estão apresentados na Loja do Viajante

Melhor localização

CHECAR LOCALIZAÇÃO

Encontrou um hotel, mas não tem certeza se ele é bem localizado? Tire a dúvida com esta ferramenta gratuita. Ela analisará a localização, de acordo com uma metodologia específica, e atribuirá uma nota.

Vale dizer que a melhor área possível para se hospedar é aquela área agradável, segura, com acesso ao transporte público, restaurantes e próxima aos principais pontos turísticos.

Melhores hotéis

SELETOR DE HOTÉIS

O Seletor de Hotéis é uma ferramenta online, totalmente gratuita, que seleciona os hotéis, hostels, apartamentos, pousadas e hotéis-fazenda mais adequados ao perfil do viajante. Por meio de um método matemático, o Seletor de Hotéis descobre os hotéis perfeitos para você em qualquer cidade do mundo.

A única coisa que o viajante deve fazer é elencar (de 1 a 5) suas prioridades em relação às características dos hotéis. Qual é a ordem de importância das características do hotel para o viajante? Por exemplo: melhor localização, menor preço, maior qualidade, mais reservado e tamanho do hotel.

Podcast de viagem

GUIA DE VIAGEM

O Papo Viagem Podcast é um guia de viagem em áudio gratuito sobre vários destinos que conhecemos.

Nós contamos a nossa experiência nas cidades e passamos dicas sobre onde se hospedar, melhor época para viajar, atrações e muito mais.

Sobre o autor

Internacionalista, jornalista e viajante apaixonada por cultura e história, todos os dias eu consigo unir minhas paixões escrevendo no Guia do Nômade Digital. Acredito que ler e se informar transformam as férias em uma experiência inesquecível. Já escrevi um guia de viagem sobre a Cidade do México e apresentei mais de 80 episódios do Papo Viagem Podcast.

Sem Comentários

    Deixe um Comentário

    error: Conteúdo protegido.