O que Fazer em Dubrovnik, Croácia? Pontos Turísticos de Dubrovnik

Dubrovnik é uma deslumbrante cidade no sul da Croácia, que atrai milhares de turistas todos os anos. Conhecida como “Pérola do Adriático”, os verões em Dubrovnik são movimentados e vibrantes, o que mostra o protagonismo da cidade no turismo na Croácia. E há muito o que fazer em Dubrovnik!

Com uma história milenar cheia de conquistas, guerras e reconstruções, Dubrovnik despontou para o mundo por ter sido o cenário de filmagens da série Game of Thrones. Quando você conhecer o centro histórico de Dubrovnik, vai entender o porquê dessa cidade ter sido escolhida.

Vamos mostrar neste post, os principais pontos turísticos de Dubrovinik, assim, você vai saber o que fazer em Dubrovnik e vai aproveitar bastante cada dia. Confira!

Leia também o post especial sobre onde ficar em Dubrovnik!


O que Fazer em Dubrovnik, Croácia


Muralhas de Dubrovnik

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Centro Histórico de Dubrovnik

O grande diferencial de Dubrovnik é o seu bem conservado centro histórico. O centro é completamente envolvido por muros gigantescos, sendo uma das mais belas e preservadas cidades muradas da Europa.

Sem nenhum exagero, o centro histórico de Dubrovnik é impressionante e as muralhas são gigantescas, tendo 1940 metros de extensão e 6 fortes.

As muralhas começaram a ser construídas no século XI, sendo ampliadas com o passar do tempo, até o século XVII.

Um dos destaques é a Torre de Minceta, construída em 1319, sendo o ponto mais alto do sistema de defesa de Dubrovnik.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Fonte: TripAdvisor

Inclusive, o local foi usado como cenário para Game of Thrones, quando a Khaleesi procura a entrada da Casa dos Imortais, a sede dos magos de Qarth.

O ticket para visitar as muralhas de Dubrovnik custa 200 kunas por adulto.

Não perca a oportunidade de subir as muralhas, porque você verá a cidade por diversos ângulos. As torres, os fortes e as vistas são imperdíveis.

chegue cedo para fazer o passeio, já que as muralhas ficam cheias durante o dia.

Embaixo da Torre de Minceta, na Gornji Ugao, havia uma antiga fundição do século XV. Esse pequeno museu (30 kunas) é muito elogiado e pouco conhecido. Só é um pouco difícil encontrar o museu.


Pontos Turísticos de Dubrovnik no Centro Histórico

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Stradun

De forma geral, o centro histórico de Dubrovnik possui um estilo arquitetônico muito semelhante às cidades italianas, principalmente cidades com influência de Veneza.

Destacam-se igrejas, monastérios, fontes e palácios com uma mescla de estilos, como o gótico, o renascentista e o barroco.

Suas ruas, casas e monumentos de pedra deixam qualquer viajante boquiaberto e são ótimos cenários para tirar fotos.

Se perca pelas ruelas que nascem da rua principal, chamada de Stradun. Essas ruelas sobem em direção às muralhas e sempre mostram pequenos locais fotogênicos.

A Stradun é uma rua larga porque foi construída depois do terremoto de 1667, quando muitos palácios ruíram. No lugar surgiu essa rua longa, cheia de lojas, monumentos históricos e muitos visitantes.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Palácio Sponza, Torre do Sino e Coluna de Rolando

No final da Stradun fica a Coluna de Rolando (na frente da Torre do Sino), decorada com um guerreiro. A coluna foi construída em 1418 e dizem ter sido feita em homenagem a Rolando, que ajudou defender a cidade de piratas árabes no século VIII.

Por isso, a Coluna de Rolando é um símbolo de liberdade e lá é hasteada a Bandeira Libertas (bandeira da República em Dubrovnik) em momentos especiais, como eventos oficiais e no Festival de Verão.

Nessa área da cidade histórica, há outros monumentos importantíssimos, como a Torre do Sino.

A original foi construída no século XV, mas teve que ser reconstruída por causa de um terremoto. A torre chama atenção pela altura, não pela fachada, que é simples.

O que mais chama a atenção nessa região é Palácio Sponza, uma construção do século XVI, que já serviu de alfândega e de casa da moeda, na época da República em Dubrovnik.

Com estilo gótico veneziano e renascentista, o Palácio Sponza guarda os mais importantes documentos da cidade, mas ele mesmo é super importante, uma construção que resistiu aos terremotos e às guerras.

A arquitetura lembra muito a dos palácios de Veneza e por dentro ele tem um hall e vários arcos, algo bem grandioso.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Palácio do Governador. Fonte: Expedia

Se for para visitar algum palácio é mais recomendado ir ao Rector Palace ou Palácio do Reitor, que vamos traduzir como Palácio do Governador, já que quem governava a República vivia lá.

Esse palácio já foi destruído e reconstruído muitas vezes e é bem mais simples do que o Palácio Sponza, mas também possui estilo gótico e renascentista, além de influência barroca de uma reforma posterior.

Ele tem um significado importante, porque era lá que o governador vivia. À noite, ele recebia as chaves e ninguém mais entrava na cidade e no final do dia ele entregava as chaves para abrirem os portões.

Atualmente, o palácio abriga o Museu Histórico e Cultural, com vários objetos que contam a história de Dubrovnik.

As fontes são muito conhecidas na cidade e forneceram água limpa por séculos para os habitantes. A fonte mais conhecida e impossível de não ser notada é a Grande Fonte de Onofrio, que foi quem a construiu no século XV.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Igreja de São Brás

As igrejas e monastérios também são ricamente decorados e guardam preciosidades.

Vale muito a pena visitar as Igrejas de São Brás e dos Jesuítas (barroca), além da mais importante, a Catedral da Assunção da Virgem, que dizem ter sido construída com dinheiro de uma cruzada. Os monastérios franciscano e dominicano são imperdíveis!

O Monastério Franciscano é um dos mais interessantes. Construído no século XIV, ele possui claustros belíssimos, a terceira farmácia mais antiga da Europa, muitas obras de arte e uma bela igreja.

O Monastério Dominicano é muito procurado pelos fãs de Game of Thrones, já que foram gravadas cenas lá e na rua que vai até o Forte Revelin, outro destaque das muralhas de Dubrovnik.

Mesmo estando perto da Stradun, o Monastério Dominicano é super tranquilo, ideal para dar aquela descansada nas escadas.

Aliás, essas escadas foram utilizadas na série quando um morador de Porto Real faz um discurso xingando a família Lannister.

Dentro do Monastério Dominicano, o destaque é o jardim, além da coleção de pinturas, artefatos e joias expostas.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Forte Lovrijenac

Vá também até o Forte Lovrijenac, que começou a ser construído no século XI, e possui uma bela vista do centro histórico. Há partes do forte com até 12 metros de espessura.

O Forte Lovrijenac foi utilizado em cenas de Game of Thrones, como em diálogos e no torneio em homenagem ao King Joffrey.

Com tantos monumentos, não podemos esquecer do Portão Antigo, porta principal da cidade histórica. Ele é chamado de Pile e tem ótimas vistas do Forte Lovrijenac e da Torre Bokar.


Teleférico de Dubrovnik

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Vista do Teleférico. Fonte: TripAdvisor

O Teleférico de Dubrovnik propicia que qualquer pessoa possa ter uma das mais belas vistas da cidade, a mais de 400 metros de altura, no Monte Srdj.

Para chegar até lá é bem fácil, já que o ponto de partida do teleférico é perto da cidade histórica.

Por 170 kunas, você pode subir e descer o monte de teleférico, que foi reaberto em 2010.

Além da vista, lá fica o Forte Imperial, construído no século XIX pelos franceses, que sedia um museu sobre a guerra recente.

O grande problema é que as filas são frequentes para usar o teleférico, principalmente no verão.

Tem até um restaurante lá no alto da montanha, mas nós sugerimos um restaurante perto de onde se pega o teleférico, a Pizzeria Tabasco.

Para mais informações sobre horários e tickets, acesse o site do Dubrovnik Cable Car.


Ilha Lokrum

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Fonte: Pixabay

Muito próximo ao centro histórico de Dubrovnik está a Ilha Lokrum, um paraíso exótico e muito procurado pelos turistas.

Na Ilha de Lokrum, destacam-se algumas atrações turísticas, como um monastério da Idade Média, pavões e o Jardim Botânico, além dos banhos de sol e mar.

Não deixe de conhecer o lago de água salgada Mrtvo More, conhecido como mar morto.

A ilha Lokrum também foi utilizada para gravações de Game of Thrones, sendo a cidade Qarth.

No centro histórico saem barcos todos os dias para a Ilha Lokrum, pelo menos durante o verão. Os barcos costumam funcionar das 9h às 19h.

O bilhete adulto custa no mínimo 150 kunas e já inclui a entrada na ilha, que é um parque nacional e por isso tem entrada paga.


Melhores praias em Dubrovnik

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Praia Banje

Dubrovnik é uma beleza só, principalmente sua parte história. Sua beleza natural também é incontestável, mas não há muitas praias em Dubrovnik que agradem aos brasileiros.

As duas principais praias são Banje e Copacabana, a primeira sempre lotada, como você pode ver na imagem acima.

Já Copacabana fica fora da área central e é mais tranquila. Ainda menos badalada, mas com bons restaurantes e estrutura, é a Uvala Lapad.

No mapa no final do post, há a localização de todas as praias mencionadas aqui.

Assim, muitos turistas optam por visitar as Ilhas Elafiti, que possuem praias melhores, como é o caso da ilha Lopud.

Se você não puder ir às Ilhas Elafiti, uma ótima opção é tomar banho de mar e de sol nos costões, algo comum na Croácia.

Procure pedras que tenham uma escada de acesso ao mar. Esse tipo de “praia” é bastante comum na região de Lapad e Babin Kuk e vale a pena, porque o mar é lindo e muito melhor do que nas praias de areia.

Há também pequenas praias de seixo (pedrinhas) em Lapad e Badin Kuk e por isso esses dois bairros também são boas opções sobre onde ficar em Dubrovnik.


Ilhas Elafiti

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Centrinho de Lopud

Próximo a Dubrovnik, encontram-se as Ilhas Elafiti, formadas pelas ilhas de Lopud, Kolocep e Sipan. Essas três ilhas são destinos comuns de quem viaja a Dubrovnik.

As Ilhas Elafiti oferecem opções de praias melhores do que as encontradas no continente, por isso são muito procuradas quando o assunto é o que fazer em Dubrovnik no verão. Ainda mais, que o verão na Croácia é muito quente!

Há três formas de conhecer as Ilhas Elafiti: alugar um barco, ir de ferry ou participar de uma excursão. Na primeira e na última opção, é provável que você conheça todas as três ilhas.

Nós preferimos apenas conhecer a ilha Lopud, que oferece as melhores praias, por isso optamos pelo ferry.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Sunj Beach

A praia de areia de Lopud é considerada a melhor praia de Dubrovnik pelos europeus, que valorizam o fato de não ser uma praia de pedra.

Contudo, Sunj Beach (esse é o nome da praia) não possui aquele mar croata inconfundível, já que sua areia é um pouco escura.

Para chegar a Sunj Beach é preciso fazer uma trilha ou se deslocar por meio “carrinhos de golfe”.

Também tire um tempo para curtir o centrinho de Lopud e suas praias de pedras, que são mais bonitas, porque têm o mar mais claro.


Como chegar às Ilhas Elafiti em Dubrovnik?

Para fazer uma viagem a Lopud, como nós fizemos, basta ir até a bilheteria da empresa Jadrolinija e comprar seus bilhetes.

Tanto a compra dos bilhetes quanto o ferry ficam no Porto Novo de Dubrovnik. Aqui você confere os horários disponíveis.

Os tickets variam de 19 a 23 kunas por pessoa, por trajeto, dependendo da época do ano.


Passeios de 1 dia a partir de Dubrovnik

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Kotor

A cidade de Dubrovnik fica localizada ao sul da Croácia, próxima a Montenegro e à Bósnia e Herzegovina.

Uma das opções de passeio é conhecer algumas cidades desses países. Para isso procure agências de viagem que fazem excursões ou alugue um carro.

Nós fomos apenas para Montenegro (a partir de Dubrovnik) e, realmente, adoramos a experiência, apesar de ser uma viagem de um dia apenas.

Nosso itinerário incluía as cidades de Budva, um balneário muito movimentado no verão, e a encantadora e histórica Kotor.

A pequena Kotor foi o ponto alto da visita, pois conhecemos sua história e admiramos sua bela arquitetura a beira do mar.

Em Kotor, nossa visita foi guiada, mas sem ser paralisante, porque tivemos tempo para explorar a cidade por nossa conta.

Confira o episódio especial do Papo Viagem Podcast sobre Kotor ou os posts sobre a cidade aqui.

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
A beleza natural de Montenegro

Em relação à Bósnia e Herzegovina, nós não fizemos uma viagem de um dia. Escolhemos conhecer a capital Sarajevo com mais tempo.

Para quem não tem essa opção, a cidade de Mostar é uma boa opção de viagem de um dia a partir de Dubrovnik, porque fica próxima à Croácia.

Para quem procura um passeio de um dia tranquilo, a pequena e encantadora Cavtat (Croácia) é uma ótima opção. Dá para chegar à cidade tranquilamente de ônibus, sem necessidade de excursão.


Mapa com os pontos turísticos de Dubrovnik

Confira no mapa a localização dos melhores pontos turísticos de Dubrovnik. Clique no “botão com seta” para acessar a legenda do mapa.


Quantos dias ficar em Dubrovnik, na Croácia?

O que fazer em Dubrovnik, Croácia?
Região de Lapad em Dubrovnik

Acreditamos que são necessários 2 dias inteiros para o Centro Histórico e praias próximas, 1 dia para as Ilhas Elafiti, 1 dia para Bósnia (cidade de Mostar) ou Montenegro (cidade de Kotor).

Assim, o melhor seriam 5 pernoites, que dão 4 dias completos. Para quem deseja apenas conhecer o Centro Histórico, 2 a 3 pernoites são suficientes.

Gostou das dicas deste artigo? Então, confira também o episódio do Papo Viagem Podcast sobre Dubrovnik e o post especial sobre onde ficar em Dubrovnik!

Boa viagem, Viajante!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM

Reserva de hotéis

RESERVA DE HOTÉIS

Utilize o nosso link do Booking para conseguir as melhores ofertas de hotéis, pousadas e albergues.

O Booking oferece muitas vantagens: preços baixos, cancelamento gratuito de reservas, não é cobrada taxa de reserva e geralmente o pagamento é realizado somente na hora do check-in ou do check-out, na acomodação.

Melhor localização

CHECAR LOCALIZAÇÃO

Encontrou um hotel, mas não tem certeza se ele é bem localizado? Tire a dúvida com esta ferramenta gratuita. Ela analisará a localização, de acordo com uma metodologia específica, e atribuirá uma nota.

Vale dizer que a melhor área possível para se hospedar é aquela área agradável, segura, com acesso ao transporte público, restaurantes e próxima aos principais pontos turísticos.

Melhores hotéis

SELETOR DE HOTÉIS

O Seletor de Hotéis é uma ferramenta online, totalmente gratuita, que seleciona os hotéis, hostels, apartamentos, pousadas e hotéis-fazenda mais adequados ao perfil do viajante. Por meio de um método matemático, o Seletor de Hotéis descobre os hotéis perfeitos para você em qualquer cidade do mundo.

A única coisa que o viajante deve fazer é elencar (de 1 a 5) suas prioridades em relação às características dos hotéis. Qual é a ordem de importância das características do hotel para o viajante? Por exemplo: melhor localização, menor preço, maior qualidade, mais reservado e tamanho do hotel.

Reserva de carros

ALUGUEL DE CARROS

O Rentcars é um comparador de preços para encontrar a melhor tarifa no aluguel de carros em mais de 140 países.

Há várias vantagens em utilizar o serviço: não há cobrança de IOF, você pode realizar parcelamento, são muitas locadoras comparadas e não há cobrança de taxa para emissão da sua reserva.

Além disso, por padrão estão inclusas nas diárias Rentcars: quilometragem livre, proteção básica e as taxas administrativas da locadora.

Melhores seguros viagem

SEGURO VIAGEM

Tá em dúvida sobre qual seguro viagem comprar? O SegurosPromo é um comparador de seguros viagem que te ajuda a encontrar os melhores preços das principais seguradoras.

Utilize o nosso link para conseguir os preços mais baixos, bem como o cupom de desconto NOMADEDIGITAL5 para ganhar 5% de desconto.

Podcast de viagem

GUIA DE VIAGEM

O Papo Viagem Podcast é um guia de viagem em áudio gratuito sobre vários destinos que conhecemos.

Nós contamos a nossa experiência nas cidades e passamos dicas sobre onde se hospedar, melhor época para viajar, atrações e muito mais.

Loja do viajante

LOJA DO VIAJANTE

Sabe quando você utiliza um check-list de viagem e descobre que faltam alguns itens para a sua bagagem?

Selecionamos produtos importantes que nós utilizamos e recomendamos você levar na sua viagem. Eles estão apresentados na Loja do Viajante

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Receber notificações de
error: Conteúdo protegido.