O que Fazer em Amsterdam? 23 Pontos Turísticos de Amsterdam

Amsterdam é uma cidade belíssima. Sua arquitetura impressiona os visitantes, com belas casas típicas e muitos canais. O que fazer em Amsterdam passa por apreciar a arquitetura da cidade.

Nesse cenário incrível, encontram-se muitas atrações turísticas, principalmente museus de qualidade, mercados de rua e parques. Há também construções muito antigas e praças movimentadas.

Neste artigo, nossa intenção é mostrar que há muito sobre o que visitar em Amsterdam e que a cidade vai além de coffee shops e do Distrito da Luz Vermelha.


O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Melhores Atrações Turísticas


Centro Histórico de Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Estação de Trem Amsterdam Centraal

Uma das atrações turísticas de Amsterdam que mais gostamos é totalmente de graça, passear pelo Centro Histórico.

Há muito o que fazer no Centro Histórico de Amsterdam, uma região com construções antigas, bela arquitetura e que é Patrimônio da Humanidade pela UNESCO.

Uma das construções mais emblemáticas da cidade é a estação central de trem, chamada de Amsterdam Centraal.

Construída no final do século XIX, o arquiteto Pierre Cuypers apostou no estilo neogótico para decorar o edifício de maneira suntuosa. Ele também foi o responsável pelo Rijksmuseum.

No Centro Histórico, outro local que atrai turistas é a Oude Kerk (Igreja Antiga), a construção mais antiga de Amsterdam.

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
De Waag

A Oude Kerk data do século XIII, tendo o teto feito de madeira. A igreja é utilizada com centro de exposições, por isso para visitá-la é preciso pagar. Por fora, a Oude Kerk já é linda.

Saiba que a Oude Kerk está localizada no Distrito da Luz Vermelha, um local bem normal durante o dia e um tanto excêntrico a noite.

Chegamos a ir à noite ao Distrito e havia até grupos de turistas de todas as idades, mas não ficamos muito tempo, porque não há muito que fazer por lá.

Quando você for a Oude Kerk, vale a pena tirar algumas fotos no De Waag. Com aparência de Castelo, De Waag fazia parte dos muros que protegiam Amsterdam, sendo uma construção do século XV, porém muito modificada.

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Begijnhof

Outra atração histórica é o Begijnhof, um conjunto de casas do século XIV onde viviam as beguinas, mulheres religiosas.

Apesar de se localizar no centro, o Begijnhof é tranquilo, super fotogênico e bastante antigo, sendo a casa toda preta uma das mais antigas da cidade.

A entrada é gratuita, mas é preciso fazer silêncio, afinal, moram pessoas nessas casas.

As praças também são importantes no Centro Histórico, com destaque para a Praça Dam, onde fica o Palácio Real.

Usado apenas para eventos oficiais, é possível visitar o Palácio Real, mas a maioria dos visitantes apenas tira fotos da imponente fachada neoclássica.

Ao lado do Palácio, fica a Nieuwe Kerk, a Igreja Nova de Amsterdam, construída no começo do século XV, porque a Oude Kerk não era suficiente. Hoje a Nieuwe Kerk é um centro de exposições temporárias.

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Palácio Real na Praça Dam

Outra igreja importante, porém que não fica no Centro Histórico, é a Westerkerk, a maior igreja protestante da Holanda, construída em 1631.

Essa igreja é bonita por fora e por dentro, com destaque para o órgão e para a torre com 85 metros de altura. A Westerkerk também tem um carrilhão com mais de 50 sinos.

No Centro Histórico de Amsterdam, há outra praça muito visitada, principalmente pelos locais, é a Praça Spui. Lá fica a entrada para o Begijnhof, assim como cafés, lanchonetes e lojas diversas.


Melhores Canais em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Canais na primavera

Os canais fazem parte do roteiro sobre o que fazer em Amsterdam, afinal, eles estão por todos os lados.

165 canais na cidade, construídos ao longo dos séculos para facilitar o comércio, por isso possuem grande valor cultural e histórico.

Em 2010, o Comitê do Patrimônio Mundial decidiu incluir a área ao redor dos canais, datada do século XVII, na Lista de Patrimônios da Humanidade da UNESCO.

Os 3 principais canais em Amsterdam são: Keizersgracht, Herengracht e Prinsengracht. Esses canais estão entre o Centro Histórico e os bairros mais modernos ou não tão antigos.

A melhor maneira de conhecer os canais é fazer um passeio de barco em Amsterdam. Há muitas empresas que fazem o passeio e o ticket varia entre 15 e 20 euros por adulto.

Como Amsterdam não é uma cidade barata, nem em termos de hotéis, nem nos ingressos das atrações, há formas de curtir os canais sem gastar nada.

O melhor é caminhar nas ruas e pontes nos canais e ficar de olhos nos ângulos. Se algum dia da viagem for com sol, aproveite para tirar fotos.

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Jordaan em Amsterdam

A Ponte Magrela ou Magere Brug é um lugar fotogênico e diferente. Os canais que citamos antes têm as pontes e casinhas mais fotogênicas da cidade. A questão principal é fotografar com uma boa luz.

O bairro Jordaan é outro local super fotogênico, um dos bairros mais bonitos de Amsterdam.

A região era um reduto de intelectuais e artistas na segunda metade do século XX. Ainda hoje se encontram cafés requintados, lojas diferenciadas e brechós estilosos.

No Jordaan é realizado o Noordermarkt, uma feira de rua com quase 400 anos de história. Lá é possível comprar objetos antigos, roupas, comida, artigos ecológicos e muito mais.

O legal é que o mercado funciona em dois dias da semana, segunda (pela manhã) e sábado (manhã e tarde).

O que mais gostamos de fazer no Jordaan é aproveitar um dia de sol (ou sem chuva) e caminhar pelo bairro sem pressa, tirando fotos dos canais, apreciando a arquitetura das casas e descobrindo as lojinhas.


Casa de Anne Frank em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Fonte: TripAdvisor

Nas proximidades do Jordaan, o visitante vai encontrar um dos lugares mais procurados em Amsterdam, a Casa de Anne Frank.

O museu conta a história vivida pela jovem Anne Frank, sua família e amigos, que se abrigaram em um anexo secreto na fábrica de seu pai, Otto Frank.

Nesse esconderijo, Anne Frank escreveu seu famoso diário durante a Segunda Guerra Mundial. Anne Frank era uma garota normal em circunstâncias excepcionais.

Por mais de dois anos, ela descreveu no diário os eventos de seu dia a dia no esconderijo.

A visita a Casa de Anne Frank é composta por conhecer o anexo secreto, sendo contada a história dessas pessoas perseguidas por causa de sua fé e cultura.

O anexo secreto é bem pequeno e é assustador saber que 8 pessoas vivam lá. Nem as cortinas eles podiam abrir.

Após conhecer o esconderijo, há outras áreas com depoimentos do sobrevivente Otto Frank e de pessoas envolvidas na história de Anne Frank.

Até o diário original está lá. Para quem leu o livro, o momento de ver o diário original é surreal!

Sem dúvida, a Casa de Anne Frank é um momento de reflexão importante para todos nós e de afirmação da necessidade de proteger os direitos do ser humano.

Como o livro de Anne Frank é um best-seller, a quantidade de visitante é muito grande e a casa não suporta muitos ao mesmo tempo. Por isso, é necessário comprar o ingresso com a antecedência.

O site oficial recomenda comprar o ingresso dois meses antes da viagem. O ingresso adulto custa 10,50 euros.


Rijksmuseum – Museu Nacional em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Museu Nacional na Praça dos Museus

Amsterdam é uma cidade com ótimos museus. É bom ter alguns museus no roteiro sobre o que fazer em Amsterdam, principalmente para os dias mais chuvosos.

O Rijksmuseum é o Museu Nacional, com mais de 200 anos de história. É lá que o viajante vai encontrar as obras de arte dos artistas neerlandeses mais importantes, com Van Gogh, Rembrandt, Jan Steen, Vermeer e Frans Hals.

O quadro mais famoso é A Ronda Noturna de Rembrandt, uma pintura grande e expressiva. Vale a pena dar atenção especial às pinturas do século XVII, assim como à coleção de Arte Decorativa.

Fique de olho nas exposições temporárias, que costumam ser excelentes. O ingresso adulto para toda a coleção custa 19 euros e é melhor comprá-lo no site oficial.

Além da coleção, a área externa do Rijksmuseum merece uma visita. Por fora, o museu lembra muito a estação de trem Amsterdam Centraal, já que as duas construções tiveram o mesmo arquiteto.

Na frente do Rijksmuseum fica a Praça dos Museus, um local excelente para tirar fotos e que conta com outros museus de qualidade.


Museu Van Gogh em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam

Vincent Van Gogh é um dos pintores mais populares nos dias de hoje. Documentários e filmes sobre ele não faltam. Muitas de suas pinturas são conhecidas do grande público. Por isso, o Museu Van Gogh recebe mais de 2 milhões de visitantes por ano.

A importância de Van Gogh também vem da influência que ele exerceu em vários artistas plásticos do século XX.

A coleção do Museu Van Gogh consiste em mais de 200 telas, 500 ilustrações e 700 documentos escritos relacionados ou pertencentes a Van Gogh. Essa é a maior coleção do mundo sobre Van Gogh.

Há vários destaques no museu, principalmente os autorretratos, Os Girassóis (1889), Os Comedores de Batatas (1885) e O Quarto em Arles (possui 3 versões).

O Museu Van Gogh é organizado em ordem cronológica, então, você consegue acompanhar a evolução do estilo do pintor.

São cinco períodos, sendo que cada um representa uma época da vida de Van Gogh: Holanda, Paris, Arles, Saint-Remy e Auvers-sur-Oise.

Como esse museu está em todos os roteiros sobre o que fazer em Amsterdam, é preciso comprar o ingresso (19 euros) com antecedência (pelo menos um mês) pelo site oficial.


Outros Bons Museus em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Casa de Rembrandt

Já falamos sobre três ótimos museus em Amsterdam, que são diferentes em si e agradam diversos perfis de viajantes. Só que Amsterdam tem mais opções ainda.

O Museu da Casa de Rembrandt é um desses bons museus, muito elogiado pelos viajantes brasileiros. O museu está abrigado na casa onde o pintor viveu no século XVII.

O museu mostra como eram os cômodos naquela época, com foco no estúdio, mesclando a casa com quadros do pintor.

A visita fica ainda mais interessante, porque o audioguia está incluso, permitindo ao visitante mergulhar na vida e obra de Rembrandt.

Maior e mais conhecido é o Museu Stedelijk, localizado na Praça dos Museus. O foco do museu é Arte Moderna e Arte Contemporânea.

Você encontrará obras de Picasso, Monet, Renoir e de pintores holandeses. A arquitetura do prédio é outro destaque, parece uma banheira, bem diferente.


Vondelpark

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Vondelpark na primavera

Quando você for a Praça dos Museus não deixe de dar uma passadinha no Vondelpark, um dos parques mais bonitos de Amsterdam, além de ser fácil de visitar.

O nome do parque é uma homenagem ao poeta e dramaturgo Joost van den Vondel, conhecido como o príncipe das letras neerlandesas.

O Vondelpark tem vida durante todo o ano. Mesmo no inverno, os locais aproveitam o parque para patinar no gelo e fazer caminhadas mesmo com neve.

A primavera é uma das épocas mais bonitas. No começo da estação, é possível ver muitas tulipas. No verão, não faltam moradores aproveitando o sol.

Além disso, o Vondelpark tem uma casa de chá, restaurante, bar e um teatro a céu aberto, onde ocorrem apresentações durante o verão. É uma atração gratuita!


Heineken Experience em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Fonte: Flickr

A cervejaria Heineken nasceu em Amsterdam e hoje é uma das mais conhecidas do mundo. A Heineken Experience é o museu interativo da cervejaria, abrigado em um prédio histórico.

Fazer a visitar a Heineken em Amsterdam só faz sentido para quem é muito fã da marca, porque os tours são muito cheios e o ingresso (18 euros comprando pela internet) é caro.

Na Heineken Experience, o visitando vai aprender sobre a história da cervejaria e também vai degustar dois tipos de cerveja. Para mais informações, confira o site oficial.


Melhores Mercados de Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Mercado Albert Cuyp. Fonte: Wikimedia

O que fazer em Amsterdam passa por ir aos mercados e feiras. Um dos melhores é o Mercado Albert Cuyp, o maior mercado a céu aberto da Europa.

O Mercado Albert Cuyp tem uma história de séculos e lá se encontra de tudo, desde queijo gouda até souvenirs, passando por arenque cru e artesanato.

Como o mercado é frequentado por moradores, os turistas aproveitam os preços menos inflacionados. Vale a pena provar as comidas típicas da Holanda no mercado, porque há variedade e ótimos preços.

O Mercado Albert Cuyp fica na rua de mesmo nome, muito perto do parque Sarphatipark. O mercado funciona de segunda a sábado o dia inteiro. No inverno, funciona por menos tempo.

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Mercado de Flores

Outro mercado que funciona praticamente todos os dias é o Mercado de Flores, Bloemenmarket. Ele fica perto da praça Rembrandtplein, que possui vários restaurantes e cafés.

O Mercado de Flores de Amsterdam é bem turístico. Lá você vai encontrar belas tulipas, inclusive a venda de diferentes tipos de bulbos. Há também muitos souvenirs.

Uma área de compras bem bonita em Amsterdam e que vale a pena dar uma passada é nas 9 Straatjes, um conjunto de nove pequenas ruas cheias de galerias, lojas de presentes e boutiques que vendem design, moda e decoração para casa.

Como as 9 Straatjes ficam bem perto da Casa de Anne Frank, oportunidade para passar por lá não faltará.


Onde ver moinhos de vento em Amsterdam?

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
De Gooyer. Fonte: TripAdvisor

Quando se pensa em visitar a Holanda, logo vem à mente moinhos e tulipas.

Amsterdam é uma cidade grande, então, não são encontrados moinhos a cada esquina. Os moinhos deixaram de ser construídos devido aos prédios que impediam o vento de passar.

Mas se você quer visitar um moinho holandês de qualquer maneira, há duas opções para ver moinho de vento em Amsterdam.

O Molen de Gooyer fica no final do bairro Plantage, pertinho do centro. Já o Molen Van Sloten está localizado nas proximidades do aeroporto, sendo totalmente aberto ao público.


Outras dicas sobre o que fazer em Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Fonte: Perfect Visit

Amsterdam é atrativa a diferentes públicos. Aos amantes da vida noturna, a cidade possui vários redutos de restaurantes e barzinhos para curtir a noite, como ocorre em Leidseplein e Rembrandtplein.

Outro tipo de diversão noturna fica por conta do Bairro da Luz Vermelha, no centro de Amsterdam. Na realidade, essa região é tão visitada por turistas de todas as idades e sexos, que não assusta mais ninguém.

Como a prostituição é legalizada, a região não está no submundo do crime. Mas nada de tirar foto das moças ou das ruas durante a noite. De dia, o Bairro da Luz Vermelha é um local turístico como outro qualquer.

Muitos turistas vão visitar Amsterdam pensando nos coffee shops, que é a menor das atrações da cidade.

Os coffee shops são lojas que vendem cannabis, produto descriminalizado nos Países Baixos. Os coffee shops estão espalhados por toda a cidade.

Apenas as drogas consideradas leves são vendidas nos coffee shops, assim como produtos derivados da cannabis.


Melhores passeios de um dia saindo de Amsterdam

O que Fazer em Amsterdam, Holanda? Pontos Turísticos de Amsterdam
Utrecht. Fonte: Flickr

Há muito o que fazer em Amsterdam. Nós não conseguimos ter tempo sobrando para fazer passeios de bate-volta, mas talvez você tenha.

Bem perto de Amsterdam fica a pequena cidade de Haarlem, um passeio perfeito para ver uma cidade holandesa menor e mais tradicional. Há moinhos, belas igrejas e lugares históricos em Haarlem.

Para quem busca visitar uma cidade mais agitada, com ótimos pubs e cafés, a universitária Utrecht é um bom passeio de bate-volta saindo de Amsterdam. A Catedral de Utrecht é um dos destaques da cidade.

Alkmaar é conhecida como a cidade holandesa do queijo, já que lá é realizado o histórico mercado de queijo (às sextas).

A cidade ainda possui um belo Centro Histórico, excelentes áreas comerciais e inúmeros terraços, cafés e restaurantes para todos os bolsos.

Edam e Volendam podem ser visitadas em conjunto. Volendam é uma antiga vila de pescadores, bem tradicional. Ao seu lado fica a cidade de Edam, famosa pelo queijo tipo edam.


Mapa com os melhores pontos turísticos de Amsterdam

No mapa, há todos os pontos turísticos de Amsterdam mencionados neste artigo. Clique no “botão com seta” para acessar a legenda.

Esperamos que as dicas sobre o que fazer em Amsterdam tenham sido úteis. Saiba também onde ficar em Amsterdam, inclusive com sugestões de hotéis baratos!

Boa viagem, viajante!

PLANEJAMENTO DE VIAGEM

Reserva de hotéis

RESERVA DE HOTÉIS

Utilize o nosso link do Booking para conseguir as melhores ofertas de hotéis, pousadas e albergues.

O Booking oferece muitas vantagens: preços baixos, cancelamento gratuito de reservas, não é cobrada taxa de reserva e geralmente o pagamento é realizado somente na hora do check-in ou do check-out, na acomodação.

Melhor localização

CHECAR LOCALIZAÇÃO

Encontrou um hotel, mas não tem certeza se ele é bem localizado? Tire a dúvida com esta ferramenta gratuita. Ela analisará a localização, de acordo com uma metodologia específica, e atribuirá uma nota.

Vale dizer que a melhor área possível para se hospedar é aquela área agradável, segura, com acesso ao transporte público, restaurantes e próxima aos principais pontos turísticos.

Melhores hotéis

SELETOR DE HOTÉIS

O Seletor de Hotéis é uma ferramenta online, totalmente gratuita, que seleciona os hotéis, hostels, apartamentos, pousadas e hotéis-fazenda mais adequados ao perfil do viajante. Por meio de um método matemático, o Seletor de Hotéis descobre os hotéis perfeitos para você em qualquer cidade do mundo.

A única coisa que o viajante deve fazer é elencar (de 1 a 5) suas prioridades em relação às características dos hotéis. Qual é a ordem de importância das características do hotel para o viajante? Por exemplo: melhor localização, menor preço, maior qualidade, mais reservado e tamanho do hotel.

Reserva de carros

ALUGUEL DE CARROS

O Rentcars é um comparador de preços para encontrar a melhor tarifa no aluguel de carros em mais de 140 países.

Há várias vantagens em utilizar o serviço: não há cobrança de IOF, você pode realizar parcelamento, são muitas locadoras comparadas e não há cobrança de taxa para emissão da sua reserva.

Além disso, por padrão estão inclusas nas diárias Rentcars: quilometragem livre, proteção básica e as taxas administrativas da locadora.

Melhores seguros viagem

SEGURO VIAGEM

Tá em dúvida sobre qual seguro viagem comprar? O SegurosPromo é um comparador de seguros viagem que te ajuda a encontrar os melhores preços das principais seguradoras.

Utilize o nosso link para conseguir os preços mais baixos, bem como o cupom de desconto NOMADEDIGITAL5 para ganhar 5% de desconto.

Podcast de viagem

GUIA DE VIAGEM

O Papo Viagem Podcast é um guia de viagem em áudio gratuito sobre vários destinos que conhecemos.

Nós contamos a nossa experiência nas cidades e passamos dicas sobre onde se hospedar, melhor época para viajar, atrações e muito mais.

Loja do viajante

LOJA DO VIAJANTE

Sabe quando você utiliza um check-list de viagem e descobre que faltam alguns itens para a sua bagagem?

Selecionamos produtos importantes que nós utilizamos e recomendamos você levar na sua viagem. Eles estão apresentados na Loja do Viajante

Deixe um comentário

avatar
  Subscribe  
Receber notificações de
error: Conteúdo protegido.