Convento de Santo Domingo em Lima: Santuário de Santa Rosa de Lima

Conheça a história, arte e religiosidade do Peru no Convento de Santo Domingo em Lima!

Visitar o Centro de Lima é um mergulho na arquitetura colonial, seja nas sacadas de madeira espalhadas por várias ruas ou nas construções religiosas. As igrejas e conventos guardam muita arte limenha, com destaque para o Convento de Santo Domingo em Lima.

O Convento de Santo Domingo foi fundado em 1535, tendo sido construído em meados do século XVI. Repleto de objetos decorativos com séculos de existência, muitos quadros e uma torre de visualização excelente, o Convento de Santo Domingo merece ser conhecido pelos turistas.

O Convento também é um santuário, o Santuário dos Santos Peruanos, onde estão sepultados os corpos de Santa Rosa de Lima e San Martin de Porres, além de homenagens a San Juan Macías.

Apesar de possuir muitos atrativos históricos, artísticos e religiosos, o Convento de Santo Domingo é pouco visitado. Neste post, vamos mostrar que vale muito a pena conhecer o Convento de Santo Domingo em Lima!

Depois de ler este post, confira também as dicas dos demais pontos turísticos de Lima e saiba onde se hospedar na capital do Peru!

O que fazer no Convento de Santo Domingo em Lima

Convento de Santo Domingo em Lima

Primeiro Claustro

O começo da visita ao Convento de Santo Domingo já mostra a beleza da arquitetura da construção. Normalmente, espera-se o guia na Sala de Recibo, uma pequena sala com teto em estilo mudéjar (elementos ibero-muçulmanos) datado de 1580.

Aliás, foi na Sala de Recibo que José Bernardo Alcedo compôs a melodia do Hino Nacional do Peru. Saindo dessa sala pode-se visitar o Primeiro Claustro, um dos claustros mais bonitos e diferentes que já vi.

Azulejos de Sevilha de 1604 e 1606 decoram as paredes e as colunas dos arcos. Nas paredes também ficam quadros de 1608 dos pintores sevilhanos Miguel Guelles e Domingo Carro, que contam a história de Santo Domingo de Guzmán. No centro do claustro, a fonte decorada com azulejos se destaca.

Vale mencionar a extrema beleza da parte superior do claustro, com um trabalho em madeira típico de Lima. A partir do Primeiro Claustro pode ser vista a torre, o último lugar a ser visitado no Convento.

Convento de Santo Domingo em Lima

Mais detalhes do Primeiro Claustro e vitral dos Santos homenageados no Convento

A visita continua até a Biblioteca, um local que parece saído de um filme, com mais de 25 mil livros antigos, mobiliário conservado e o teto todo em madeira.

Outro lugar histórico é a Sala Capitular, que foi o primeiro auditório da primeira universidade do Continente Americano, a Universidad Mayor de San Marcos, fundada em 1551. A decoração da Sala Capitular é um primor, com tons de azul, móveis entalhados em madeira e quadros antigos.

Saindo da Sala Capitular, a guia nos levou à importante Cripta de Santa Rosa de Lima, um local com escada estreita e teto baixo, que já foi um cemitério para os frades dominicanos.

Muito bem cuidada e decorada, a Cripta de Santa Rosa de Lima guarda o corpo da Santa, mas a cabeça de Santa Rosa está na Igreja do Convento, que possui uma entrada própria e pode ser visitada gratuitamente. No tour pelo Convento, passa-se apenas pelo coro da igreja.

Convento de Santo Domingo em Lima

Sala Capitular, Cripta e Biblioteca

Independente da religião de cada visitante, a cripta é um local histórico de uma grande personalidade do Peru. Na cripta, ainda há o poço que servia para guardar os ossos de quem era enterrado na Igreja.

O Convento de Santo Domingo em Lima tem outro claustro, o Segundo Claustro, menor e diferente do primeiro. O Segundo Claustro é mais arborizado e tem menos detalhes decorativos do que o primeiro, assemelhando-se aos claustros coloniais.

No Convento de Santo Domingo também está sepultado San Martin de Porres, em uma sala próxima ao Segundo Claustro. San Martin de Porres ou Martinho de Porres tem uma história de muita luta para conseguir ser um religioso, porque os negros eram proibidos de ingressar às ordem religiosas.

Convento de Santo Domingo em Lima

Segundo Claustro

A sala dedicada a San Martin de Porres era a antiga enfermaria, onde o Santo tantas vezes usou seus conhecimentos médicos e sobre plantas para tratar as mais diversas pessoas.

A visita continua pelo Coro da Igreja, que pode ser acessado pelo Convento. No coro, todos os detalhes são feitos em madeira de cedro da Nicarágua com estilo renascentista e maneirista, inclusive as imagens dos diversos santos. Algo que impressiona é o tamanho do livro que era usado durante a missa.

Convento de Santo Domingo em Lima

Livro do Coro e San Martin de Porres

Não deixe de visitar a Igreja, oficialmente Basílica do Santíssimo Rosário. Assim como várias igrejas em Lima, a Basílica do Santíssimo Rosário só abre um pouco antes dos horários das missas.

Nos dias de semana, há missas às 7h, 9h, 17h, 18h e 19h. Para mais informações, confira o site oficial.

É claro que estando no coro consegue-se ver o interior da igreja em detalhes. O chão é bem interessante e contrasta com as cores claras do interior. Depois do terremoto de 1940, a Basílica passou por grande modificações.

Por último e não menos importante está a Torre da Basílica. São três lances de escada até o topo da torre, sendo que a base tem o formato octogonal. A partir do topo se tem uma vista de 360 graus de Lima a 46 metros de altura. Imperdível!

Convento de Santo Domingo em Lima

Vista da Torre

Vale dizer que atual torre é uma construção do século XVIII com estilo rococó, principalmente os detalhes externos.

Eu fiquei muito encantada com o Convento de Santo Domingo em Lima, tanto pela riqueza arquitetônica e artística quanto pela variedade de atrativos.

Há arte, religiosidade, belas vistas e uma boa e barata visita guiada a poucos metros da Plaza Mayor.

Como não visitar essa atração? Por incrível que pareça, o Convento de Santo Domingo não recebe tantos visitantes quanto outras atrações de Lima. O Convento de São Francisco é muito mais procurado, mas os dois valem muito a pena.

 

Horários, ingressos e mais informações sobre a visita ao Convento de Santo Domingo em Lima

Convento de Santo Domingo em Lima

Basílica do Santíssimo Rosário

O Convento de Santo Domingo pode ser visitado com guia (já incluso no ingresso) ou separadamente. Vale a pena esperar pelos horários da visita guiada, que não costuma ser lotada e ainda leva os visitantes para outras áreas do Convento, que só podem ser acessadas com guia.

O Convento de Santo Domingo funciona todos os dias, incluindo domingos e feriados, das 9h30min às 18h. O ingresso custa apenas 10 soles, já incluso o serviço de guia.

Para mais informações, acesse o site oficial do Convento de Santo Domingo em Lima.

 

Esperamos que você tenha gostado de conhecer o Convento de Santo Domingo em Lima e possa visita-lo!

Boa viagem, Viajante!

[P.S: não se esqueça de reservar o seu hotel pelo nosso link do Booking. Você não paga nada a mais pela sua hospedagem e ainda ajuda o site. Obrigado!]

Posts que você deve ver também!

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Receber notificações de
avatar
wpDiscuz
error: Conteúdo protegido.