CLH Suítes Santiago: Hostel dos Brasileiros em Santiago

Resenha sobre como é se hospedar no CLH Suítes Santiago, o hostel dos brasileiros em Santiago!

Uma das áreas com Wi-Fi bom. Fonte: TripAdvisor

A experiência em qualquer hotel, hostel ou B&B varia muito de pessoa para pessoa, do perfil do viajante. Neste post, vou contar sobre a nossa experiência no CLH Suítes Santiago, o hostel dos brasileiros em Santiago.

O CLH Suítes Santiago faz parte da grande rede de hostels Che Lagarto, que tem várias hospedagens em praias famosas do Brasil, normalmente sendo locais bons para o viajante econômico se hospedar.

No caso do CLH Suítes Santiago, a intenção é ser um mix entre hostel e hotel, com suítes grandes por um valor razoável e camas em dormitório, além de localização central em Santiago.

Nós nos hospedamos em uma suíte no CLH Suítes Santiago e vamos contar como foi nossa experiência!

 

Resenha sobre os quartos duplos do CLH Suítes Santiago

CLH Suítes Santiago: Hostel dos Brasileiros em Santiago

Os quartos são aparentemente bonitos, mas a aparência só é suficiente nos primeiros minutos.

Primeiramente, vale mencionar porque escolhemos o CLH Suítes Santiago. O valor cobrado pelo quarto duplo é muito bom, mas para nós pesou bastante o fato de ter recepção 24 horas, já que chegamos na hospedagem às 2:00 da madrugada.

Para nossa surpresa, o atendente no período da noite (José) não teve um bom entendimento da situação. Ele nos colocou em um quarto com duas cama de solteiro, mesmo tendo reservado o quarto com cama de casal.

O pior era o fato do quarto ser virado para a rua, em frente a um ponto de ônibus, estando apenas no terceiro andar. Um viajante que chega às 2:00 da madrugada e é colocado no quarto 304, colado ao ponto de ônibus, com certeza não terá uma boa noite de sono.

Então, o primeiro ponto a destacar é a falta de noção de alguns atendentes. Cheguei a cogitar a má fé por parte de José, afinal, o prédio é antigo e com pouco isolamento acústico. É fácil saber que um quarto no terceiro andar, virado para um ponto de ônibus, não oferece condições para descansar.

Além de ser impossível dormir nos quartos dos andares mais baixos virados para a rua, as condições estruturais do quarto não eram nada boas.

As janelas tinham apenas vidro, nenhuma proteção de madeira ou metal. A limpeza deixava muito a desejar, com manchas nas roupas de cama e a toalha de banho escurecida e com cheiro ruim.

No banheiro, o chuveiro era remendado com um tipo de fita adesiva, além de ser difícil conseguir entrar na banheira onde fica o chuveiro.

A decoração e os móveis foram feitos apenas para as fotos, para dar a impressão de local moderno e aconchegante. Como pode uma escrivaninha não ter tomada próxima? Como pode um hostel não ter Wi-Fi para todos?

O Wi-Fi é um ponto crítico no hostel dos brasileiros em Santiago, estando disponível na recepção e no bar no terraço.

Os quartos nos andares de baixo conseguem pegar o Wi-Fi da recepção e os quartos nos andares de cima conseguem usar o Wi-Fi do bar. Mas para ter Wi-Fi, você vai ter que conviver com o barulho.

Além do barulho da rua nos quartos de baixo virados para a rua, o bar tem música alta até a meia-noite. Pelo menos do 8º andar para cima é possível ouvir o barulho do bar, que mesmo nos dias de semana tem música até a meia-noite.

Nós sabemos do barulho do bar no 8º andar porque pedimos para tocar de quarto, já que não dormimos nada na primeira noite.

Dessa vez, a atendente (Ximena) tinha mais experiência. Foi nos oferecido o quarto 801, com duas camas de solteiro unidas. Nesse quarto podemos perceber como o quarto 301 era ruim.

O quarto 801 tinha o banheiro ok, a limpeza deixava a desejar e ainda havia barulho alto. O barulho vinha do bar, mas dava para descansar depois da meia-noite.

Depois dessa experiência, podemos concluir que hospedar-se no CLH Suítes Santiago não é uma boa opção para quem busca um quarto duplo bom e sem luxo, porém limpo e possível de descansar.

A limpeza deixa a desejar mesmo, tanto nas roupas de cama e banho quanto nos móveis. A estrutura precisa de reparos, principalmente nas janelas e em alguns banheiros. O barulho do bar e da rua são pontos importantes a melhor, que podem estragar completamente a viagem. Além disso, não faz sentido um hostel que não tem Wi-Fi nos quartos!

Os pontos positivos do CLH Suítes Santiago são a localização central, nas proximidades da estação de metrô Santa Lucía, e o atendimento de alguns funcionários, não de todos.

 

Espero que nossa experiência no hostel dos brasileiros em Santiago seja útil para algum viajante!

Boa viagem, Viajante!

[P.S: não se esqueça de reservar o seu hotel pelo nosso link do Booking. Você não paga nada a mais pela sua hospedagem e ainda ajuda o site. Obrigado!]

Posts que você deve ver também!

Deixe um comentário

Seja o Primeiro a Comentar!

Receber notificações de
avatar
wpDiscuz
error: Conteúdo protegido.